Meca Festival Sul 2015

No último sábado choveu muito, mas não impediu o Meca Festival Sul de animar Maquiné. A quinta edição do evento trouxe Wannabe Jalva, Boogarins, Citizens!, a esperada AlunaGeorge e La Roux, que apesar das suspeitas de playback, fez geral cantar junto.
mecasul_098

mecasul_079

mecasul_080

mecasul_083

mecasul_086

mecasul_087

mecasul_088

mecasul_103

mecasul_111

mecasul_117

mecasul_118

mecasul_120

mecasul_127

mecasul_146

mecasul_149

mecasul_157

mecasul_165

Além dos shows, os Clubinhos deram bossa à Fazenda do Pontal. O Beco203 ocupou uma capela, na YOUCOM teve sorvete e DJ e no da I Hate Flash dava para realizar oficinas de grafite. A barbearia do Cubo e o Heráclito Tattoo também estavam por lá para quem quisesse dar uma mudada no visual e para quem estivesse com fome: food trucks para todos os gostos.

mecasul_173

mecasul_175

mecasul_192

mecasul_203

mecasul_218

mecasul_233

mecasul_235

mecasul_236

mecasul_243

mecasul_247

mecasul_253

mecasul_262

mecasul_270

mecasul_271

mecasul_274

mecasul_277

mecasul_282

Dá uma olhada no que rolou por lá:

mecasul_291

mecasul_292

mecasul_297

mecasul_298

mecasul_304

mecasul_305

mecasul_309

mecasul_325

mecasul_337

mecasul_345

mecasul_348

mecasul_351

mecasul_364

mecasul_368

mecasul_377

mecasul_378

mecasul_396

mecasul_405

mecasul_418

mecasul_419

mecasul_429

mecasul_435

mecasul_440

mecasul_450

mecasul_461

mecasul_464

mecasul_466

mecasul_474

mecasul_479

mecasul_494

mecasul_495

mecasul_496

mecasul_499

mecasul_504

mecasul_518

mecasul_520

mecasul_522

mecasul_524

mecasul_525

DSC_2523 - Cópia

DSC_2550 - Cópia

DSC_2573 - Cópia

DSC_2609 - Cópia

DSC_2617

mecasul_053

mecasul_058

mecasul_072

mecasul_076

Fotos: I Hate Flash

0 Comentários

Normcore

Você já deve ter visto na sua timeline a #normcore. Mas você de onde vem esse conceito? Em meio a tantas super produções, o estilo que vem fazendo sucesso nos blogs de street style, revistas e editoriais mundo a fora é justamente o contrario, aquele adepto ao velho e bom jeans + camiseta + flat. Esse estilo casual, cheio de conforto e simplicidade em algum momento recente começou a ganhar destaque entre NY-Paris e já dominou as it girls e fashionistas por ai.

normcore-main-image1

Mais que uma tendência o Normcore é um estilo que vem se destacando frente a um mundo de caos e excessos, quase como uma resposta ao fast fashion e aceleração da sociedade pós-moderna. Segundo o site noo.com.br, o termo foi cunhado pelo bureau de tendências nova-iorquino K-Hole, caracteriza esse grupo como pessoas que não querem chamar atenção por serem diferentes, preferem optar pela liberdade de pertencer a um grupo. Inicialmente, o conceito de Normcore trata de personalidades – a fluidez de identidade na cultura jovem moderna, deixar de lado o indivíduo para garantir a aceitação.

Normcore-02

698feaa0760de7efcdb365daad8b86f7

3fa14b11f3091cb1eb907969d535a770

No entanto, a apropriação fashion do termo tem dado o que falar – NY Mag, Vogue UK, Dazzed Digital já fizeram suas considerações sobre o conceito. Em um universo de labels & logos, Normcore é o anonimato. Nos dias de hoje, em que fast fashions conseguem detectar tendências de subculturas de rua e reproduzi-las em suas araras em 3 meses, punks, indies e hipsters podem ser qualquer um.

Normcore é o estilo quase indetectável, mas para os conhecedores, sugere autoridade e confiança. Editoras de moda já aderiram ao Normcore. Antes da popularização do termo, foi chamado de borecore por Stephanie Strong, editora do site Fashionista. Segundo Stephanie, o estilo não é inspirado por Jerry Seinfeld, mas sim por Phoebe Philo e o chique atual – casacões de lã, skinny preta, gola rolê, nos pés, Adidas Stan Smith brancos. O twist fica por conta de uma cintura alta aqui, uma manga caída acolá. Esse já vem sendo o look fashion week de quem está lá para trabalhar, e não para ser fotografado.

Fonte: http://noo.com.br/

normcore400x600-570x380

Esse tipo de movimento observado nas ruas, acaba entrando no circuito da moda e vira pauta de desfiles, editoriais e vai parar na sua timeline. Todo esse processo faz parte do fashion system e é muito mais complexo do que você imagina. Mas de que forma tudo isso acontece? Como podemos compreender isso desde o processo de criação da moda até o processo de comercialização? Entender esses fenômenos, entender o sistema da moda e como isso tudo impacta nossas vidas não é tarefa fácil.

L’Officiel-Mexico-October-2014-Normcore-Style-1

Screen-Shot-2014-09-17-at-9.55.49-am

2014-08-20-NormCore

Um dos caminhos bacanas para quem tem interesse em entender a moda é buscar um bom curso sobre o assunto. Um dos melhores cursos em Porto Alegre, na nossa opinião, é  o  MBA em Moda da ESPM,  o curso é uma pós graduação que forma profissionais capazes de identificar tendências como essas e aplicar ao mercado de trabalho, seja em campanhas de marketing e comunicação ou em negócios voltado ao segmento de moda. É um curso para profissionais de diversas áreas e não é preciso ser formado em Moda.

O curso amplia a visão dos profissionais tornando-os conhecedores do desenvolvimento de marcas e negócios no universo da moda. A ESPM acredita que os novos líderes estão sempre procurando novas soluções, movidos pela inovação e pelo constante desejo de fazer melhor e aprender a cada oportunidade.

Nesse sentido o MBA em MODA da ESPM forma especialistas em Marketing de Moda, que sejam capazes  de compreender os fenômenos sócio-culturais, como o Normcore, e ainda ensina aos alunos como prever e antecipar  tendências que emergem na atualidade. Dessa forma os alunos são capazes de desenvolver estratégias e ações de marketing e comunicação no ambiente on-line e off-line para os diversos negócios de moda (confecção, indústria de acessórios, calçados, varejo, etc.). Essa visão profunda e abrangente é um dos diferenciais desse curso, mais que fazer é preciso pensar sobre a Moda. Curtiu?

Saiba mais sobre o curso aqui.

post-patrocinado211

 

0 Comentários

Estamparia Digital

Dos dias 20 a 22 de janeiro Porto Alegre será a sede do curso “STAMP: Processo criativo e técnicas para estamparia digital”. As gurias que vão ministrar, Camila Wrass e Rafaela Camerini, focam principalmente na técnica para tornar a estamparia digital competitiva e com uma identidade mais fortalecida e independente na indústria da moda gaúcha. A ideia é capacitar profissionais fornecendo todo o suporte para o aprimoramento do conhecimento técnico e do processo criativo.

stamp 1 creditos reprodução

“O STAMP propõe o desenvolvimento de um novo olhar à estamparia através de diversas técnicas e ferramentas de construção gráfica”, comenta Camila. “Nós reunimos recursos teóricos e práticos para, justamente, fomentar o olhar e outros sentidos, instigando além do óbvio para a aprendizagem e desenvolvimento de padronagens”, define Rafaela.
O curso acontece no espaço coworking Esporo e tem curadoria do Entre Ellas. As aulas terão o amparo da metodologia do Duplo Diamante, conceito utilizado no Design Thinking e o mais legal é que ao final dos três dias de curso o aluno receberá em casa uma amostra de tecido com a própria estampa criada!
stamp 4 creditos reprodução

Quem ministra:

CAMILA WRASSE – Formada em Moda pela Universidade Feevale, é a idealizadora da empresa de estamparia W Estúdio, que hoje atua no desenvolvimento de padronagens para diversas áreas. Junto com a habilidade de criar estampas, descobriu que compartilhar é mais importante. Acredita que criar em um processo colaborativo é muito mais inspirador.
RAFAELA CAMERINI – Formada em Moda pela Universidade Feevale, participou do Estaleiro Liberdade 2012, Art of Hosting Florianópolis, Art of Hosting Porto Alegre, grupo de estudos sobre Comunicação Não-Violenta e TEDx Laçador 2014. Atua no planejamento estratégico do curso e na facilitação de processos criativos e de grupo.

Local: Esporo.cc (Praça Monsenhor Emílio Lottermann, 74), Porto Alegre
Horário: das 19h às 22h
Inscrições: Até o dia 19 de janeiro pelo e-mail fique@entreellas.com

0 Comentários

Detalhes que marcaram no SSPOA

Somos apaixonadas por detalhes, seja um sapato diferente, acessórios, estampas,… Por isso separamos os detalhes que marcaram por aqui.

@-Street-Style-POA-foto-Claudinha-Palma-6-de-43 @-Street-Style-POA-foto-Claudinha-Palma-7-de-43 @-Street-Style-POA-foto-Claudinha-Palma-12-de-43 @-Street-Style-POA-foto-Claudinha-Palma-33-de-43 Eron-Rafael-dos-Santos-4-de-7 Fashion-Inc-12-de-24 Fashion-Inc-19-de-24 IMG_3818 IMG_4608 IMG_7372_sspoa IMG_7637_sspoa1 Ju-Gomes8 Marcela-Torres-@-Streetstylepoa-foto-Claudinha-Palma-2-de-4

0 Comentários

Retrospectiva SSPOA | Eles

Dá uma olhada nos 6 looks masculinos que marcaram o SSPOA em 2014:

Guilherme-Thofehrn

Oi-Gracia-@-SSPOA-foto-Claudinha-Palma-21-de-37

Fashion-Inc-22-de-24

Ceno-Delavald

Cristiano-Tavares

Fashion-Inc-8-de-24

0 Comentários
Captura de Tela 2014-12-14 às 21.27.53

Faça sua busca através de tags

detodosossantos